Anuncie

Revista Mercado Automotivo | Edição 262

Edição 262: Junho DE 2017
Publicidade

Por Redação

Quem não trabalha sozinho certamente já se comparou com outros profissionais ao seu redor. Dessa comparação, possivelmente concluiu-se que fulano era melhor ou que ciclano havia obtido mais sucesso na vida profissional. As causas destes resultados, no entanto, geralmente não são levadas em consideração quando a avaliação superficial é feita. Dessa forma, acabamos concluindo de forma errada que o sucesso no trabalho está, muitas vezes, relacionado apenas à sorte ou a determinado aspecto que foge do nosso controle.

Buscando contribuir para que esta avaliação (tanto do trabalho dos outros quanto de seu próprio desempenho) seja mais realista e eficaz, a Editora Record lança o livro O Profissional Incomum (Editora Record, R$ 30, 256 páginas), escrito por André Portes. O autor é especialista em gestão administrativa e atualmente dirige uma rede de supermercados no Rio de Janeiro.

Na obra, Portes aponta e analisa oito características essenciais para aqueles que desejam fugir do comum, tornando-se um profissional cujo trabalho se destaque em meio ao dos demais.

De acordo com Portes, a semente para o livro surgiu a partir de uma característica que é inerente a muitas pessoas: a observação. “Decidi observar os indivíduos que eram como eu queria ser, tinham o que eu queria ter, alcançaram o que eu gostaria de alcançar. Queria aprender como eles se comportavam, falavam, se vestiam, quais eram suas posturas, seus interesses, suas crenças, suas atitudes, o que estudavam e desejavam conhecer”, explica o autor em seu livro.

A partir da observação que fez de profissionais e de pessoas que admirava, Portes chegou à conclusão de que podemos encontrar, de forma geral, três tipos de pessoas nas empresas, organizações, instituições, universidades etc. São três tipos de trabalhadores que podem ser identificados em meio à sociedade: os medíocres, os normais ou bons, e os excelentes ou acima da média. É óbvio que todos querem chegar a este último nível, mas invariavelmente acabamos encontrando uma grande quantidade de profissionais medíocres nas empresas.

Note que o medíocre, neste caso, não é entendido de forma pejorativa. Trata-se de um profissional mediano, comum, sem grandes qualidades, mas que, se bem orientado e gerenciado, poderá cumprir adequadamente as funções operacionais evoluindo até para uma classificação de profissional bom. É natural que boa parte do corpo de trabalho das empresas seja formado por trabalhadores deste tipo. O problema é quando você se enquadra nesta “categoria”, mas espera receber os bônus e benefícios relativos aos profissionais considerados excelentes ou acima da média. O que fazer neste caso?

O livro de André Portes pode ser um belo aliado neste processo. O autor expõe de forma clara e concisa oito características que, segundo ele, poderão ser os fatores que diferenciam um profissional mediano de um considerado excelente. Vale ressaltar, inclusive, que o profissional excelente é justamente incomum no mercado de trabalho. É, portanto, alguém cujo potencial de remuneração e valorização no âmbito profissional é muito superior aos demais.

“[Os excelentes] não são perfeitos, mas trabalham em busca da perfeição; fazem diferença; são aqueles que toda empresa deseja ter e com os quais pode contar; envolvidos, decididos, trabalham com zelo, buscam melhoria contínua e não aceitam viver sem oferecer o melhor que têm”, escreve o especialista, que fala ainda sobre como identificou as principais características que definem o trabalhador incomum.

“Passei a estudar esse profissional incomum e decidi escrever oito características facilmente identificadas em suas vidas. É claro que possuem muitas outras, mas gostaria de apresentar apenas oito, as quais tenho plena certeza de que irão ajudá-lo a entender a viver como eles, em busca da excelência profissional. Foi fantástico identificar nas oito características um grande propósito: o cuidado. Isso foi realmente revelador. Quando observo a maioria dos mamíferos, vejo que possuem algo muito distinto do ser humano. Mal acabam de nascer, levantam, andam, mamam e já se tornam praticamente independentes em poucos dias. E nós, seres humanos?

Demora muito tempo para que um ser humano possa se levantar e procurar sozinho por alimento. Por que somos tão limitados quando nascemos? Por que Deus nos criou assim? Pais e mães não teriam tanto trabalho e despesas se fôssemos como a maioria dos animais, se nossa independência física fosse rapidamente alcançada. No entanto, acredito que Deus nos criou com toda essa dependência para nos ensinar a primeira lição da vida: o cuidado. Precisamos de muitos cuidados quando nascemos, é impossível sobreviver sem cuidados. A espécie mais desenvolvida é uma das mais limitadas ao nascer. O cuidado é decisivo. Sem cuidado, sem vida. É muito importante que isso fique registrado em sua mente”, avalia o escritor.

De acordo com Portes, ao ler o livro, será possível identificar o propósito de cuidar nas oito características do profissional incomum que são apresentadas na obra. São elas: autoavaliação; atitude; relacionamento; ordem, foco e disciplina; solucionar problemas; marca; paixão e propósito. Nas páginas do livro, Portes esmiúça essas características com exemplos claros e precisos para determinar como devemos prestar atenção nestes pontos se queremos nos transformar em profissionais excelentes. Interessantes também são os motivos apontados pelo autor para explicar porque é preciso atingir a excelência no trabalho, tornando-se um funcionário incomum. Para ele, somente a excelência resultará em um legado, de modo que tenhamos uma vida significativa e repleta de realizações.

“Certa vez, li a seguinte reflexão: ‘O sofrimento para atingir a excelência talvez seja igual ao de manter a mediocridade. Pensando bem, o sofrimento para a excelência deve ser menor, pois a excelência pode simplificar nossas vidas radicalmente e aumentar nossa eficiência e eficácia.’ É lógico que é mais desafiador e difícil atingir a excelência e se manter excelente.

Entretanto, como acabamos de ler, o resultado é incomparavelmente melhor. Para uma vida bem-vivida é preciso simplicidade - e só os excelentes transformam dificuldade em simplicidade”, completa o especialista. Vale a leitura!

Design: Agência Bcicleta
Sistema: alc propaganda - criação de sites

Telefone: (011) 2639-1462 / 2639-1082
editora@photon.com.br