Anuncie

Revista Mercado Automotivo | Edição 261

Edição 261: Maio DE 2017
Publicidade

Por Redação

Não é fácil para uma empresa chegar aos 75 anos de idade. Principalmente se esta empresa for 100% brasileira e tiver a intenção de competir globalmente em diversos mercados desafiadores e complexos. É justamente por conta de todas estas dificuldades que a Sabó faz questão de destacar seu aniversário de 75 anos e aposta em diversas novidades para reforçar a marca junto ao mercado automotivo.

Nas últimas décadas, a companhia se tornou uma das principais referências no mercado de autopeças e atualmente fabrica juntas, retentores e sistemas de vedações para o mercado de reposição e original. São duas as unidades no Brasil atualmente, uma em Mogi Mirim, interior de São Paulo, e outra na própria capital do Estado. São aproximadamente 1.500 funcionários colaborando para o desenvolvimento da marca.

E é justamente para estes funcionários que a Sabó prepara uma iniciativa que destoa (de forma positiva) daquelas geralmente adotadas pelas empresas que fazem aniversário. Geralmente, as companhias buscam valorizar sua história com o foco no público externo e acabam se esquecendo dos próprios funcionários, que tanto colaboraram para que a empresa chegasse a este momento.

Pensando nisso, a Sabó promoverá uma exposição exclusiva para seus funcionários. A empresa está buscando com ex-colaboradores itens, relíquias e memórias que ajudem a contar os 75 anos da marca. São diversos brindes, camisetas, prêmios recebidos e tudo ficará exposto nas fábricas da Sabó.

A iniciativa é elogiável porque destaca ao colaborador sua real participação nesta longeva história da empresa. Dessa forma, os funcionários sentem-se parte da companhia e conseguem, eles mesmos, recuperar suas trajetórias enquanto profissionais e seres humanos.
Além disso, a Sabó desenvolveu um selo comemorativo que será utilizado em todas as publicações da empresa neste ano. A imagem traz as cores da bandeira brasileira e ajuda a reforçar a identidade nacional da marca. O logotipo da companhia também foi re-estilizado e ganhou formas mais arredondadas. Tornou-se mais clean , moderno e fácil de ser identificado.

Todo o material e identificação da empresa precisam evoluir conforme o tempo passa, mas sem nunca perder sua essência e personalidade, comenta Daniella Carrer, do Departamento de Marketing da empresa. A marca em si é muito forte e reconhecida mundialmente. Estamos restaurando memórias e remontando histórias para documentar esses momentos tão importantes visando que não se percam e que as próximas gerações tenham acesso a este conteúdo., completa Daniella.

Trajetória internacional

Ao longo desses 75 anos, a Sabó sempre voltou seus olhos para chegar também ao mercado de outros países e, ainda na década de 1970, a companhia iniciou suas exportações para a Alemanha e durante 20 anos vendeu tecnologia para uma renomada empresa de anéis-o do país.

Essa negociação consistiu na venda de tecnologia de produto, processos e inclusive equipamentos de injeção de borracha. A Sabó tinha na época sua empresa de produção de equipamentos dedicados à injeção de elastômeros, sendo mundialmente pioneira nesse segmento, aponta a companhia, em material divulgado para promover seu aniversário.

Posteriormente, em 1992, a Sabó aproveitou o momento em que se encontrava a América do Sul, ainda que o Brasil atravessasse períodos conturbados em sua economia e sua política. Por meio da abertura de mercados proporcionada pelo Mercosul, a empresa adquiriu duas concorrentes na Argentina. No ano seguinte, suas pretensões voltaram-se novamente à Europa, onde comprou a KACO, centenária e tradicional companhia alemã, segunda maior fabricante de vedações no país com três plantas locais e mais uma na Áustria.

No mercado dos Estados Unidos, a Sabó dedicou sua força também em 1993, quando instalou, em Michigan, seu primeiro escritório técnico-comercial no país. Anos depois, em 2007, a companhia veio a inaugurar sua fábrica em Lincolnton, na Carolina do Norte, fortalecendo sua presença no importante mercado norte-americano.

Já em 2009, atenta ao crescimento e ao protagonismo adquirido pela China no cenário internacional, a Sabó inaugurou sua primeira fábrica no país asiático, em Wuxi. A empresa, oferecendo tecnologia inexistente naquele mercado, cresceu exponencialmente, produzindo retentores, sistemas de vedação e Bonded Piston Seals, fornecendo seus produtos para as montadoras locais e seus clientes globais instalados naquele país, destaca a companhia.
Os objetivos para os próximos anos estão diretamente atrelados à nova situação da Sabó. Isso porque, em 2014, para consolidar seus negócios na Europa, Ásia e América do Norte, o Grupo Sabó criou o Grupo Kaco para atuar nestes mercados. Ainda em 2014, o Grupo Zhongding associa-se ao Grupo Kaco através da aquisição de 80% deste.

A partir desta associação sino-brasileira, a companhia informa que a Sabó tem atualmente, entre suas principais metas, uma grande expansão nos mercados chinês e norte-americano, iniciando com a abertura de uma segunda planta na China, em Anhui, em 2015 e a duplicação da fábrica da Carolina do Norte. É dessa forma que a Sabó segue construindo sua história lobal, fortalecendo sua trajetória nos mais diversos mercados, e rumo ao seu centenário de atuação no Brasil.

Design: Agência Bcicleta
Sistema: alc propaganda - criação de sites

Telefone: (011) 2639-1462 / 2639-1082
editora@photon.com.br